Páginas

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Insensibilidade

Vesti -me de tempo
Vagueei
Pelos caminhos
De outrora.
Não vi
A saudade
Nem sequer
A vontade.
Guardei
No tempo
Os sorrisos.
Nas muralhas
Erigidas
Ao abandono
Prendi uma
Lágrima.

Um comentário:

Ana disse...

Podes chamar-lhe “Insensibilidade”, mas há nas belas palavras uma “dose” de sensações, que o tempo não apaga.
Bem penso que já li tudo e adorei!
Vou vestir-me para ir até à Clínica fazer uns exames à "máquina" e quero ir um pouco antes para estar mais calmita.
Quero dizer-te que esta foto tua que tens aqui no teu belo espaço é lindíssima, aliás tu és linda!:-)
Jinhos minha kida Carol e porta-te mal:-)