Páginas

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Hoje estou triste


A tristeza invade e toma conta do tempo.
As palavras que me ocorrem são melancólicas e viradas do avesso da alegria, que normalmente, consomem o ar que respiro.
Mas hoje, nuvens negras, pairam no meu sentir, provavelmente irá chover no meu contentamento, senão faço o treino do pensamento matinal, sim esse em que arrumo as gavetas da nostalgia e calo o teu silêncio, com as palavras da memória, com o teu olhar que habita no meu ser...
Essa tristeza que me consome os sentidos é acompanhada pela música do teu afastamento, da ausência das tuas palavras.

Mas tudo é efémero, até a minha tristeza...

Um comentário:

Ana disse...

Ainda bem que a nostalgia é passageira, e desses amargos momentos, surgirá um alento para afastar essa mágoa que assola o pensamento.
Desejo que sejas muito feliz minha linda amiga! Mereces.
Beijinhos grandes.